21/01/2021

CDL Brusque orienta como identificar notas falsas de R$ 200

CDL Brusque orienta como identificar notas falsas de R$ 200

Com o objetivo de alertar o comércio local sobre o risco de circulação de notas falsas, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Brusque (CDL) orienta os seus associados e a comunidade como identificar as marcas de segurança das cédulas de R$ 200.

No início desta semana (19), a Polícia Militar apreendeu R$ 70 mil em notas falsas de R$ 200 em uma gráfica clandestina em Blumenau. “Acreditamos que por se tratar de uma nota nova, de ainda pouca familiaridade da população, as incidências de falsificação estão maiores envolvendo a cédula de R$ 200”, comenta o presidente da CDL Brusque, Fabricio Zen.

Contudo, o presidente alerta que a falsificação também pode ocorrer com outros valores, por isso é importante continuar atento também com notas de valor menor. “No ano passado a Polícia Federal (PF) apreendeu mais de R$ 16 mil notas falsas, três mil a mais do que em 2019. Por isso, todo cuidado é bem-vindo para evitar transtornos, independentemente do valor”, reforça.

As informações sobre como conferir a autenticidade das cédulas - divulgadas pelo Banco Central do Brasil - estão disponíveis nas redes sociais da CDL Brusque e também foram encaminhadas por e-mail a todos os associados da entidade.

Segundo o gerente da Agência Sicoob de Brusque, Rodrigo Rosa, em caso de dúvida sobre a autenticidade de cédula, deve se buscar orientação na instituição financeira de relacionamento. O site no Banco Central também é uma opção para buscar orientações. “No caso de um comércio ou pessoa física estar em posse de uma cédula falsa, vale também a orientação para que seja feito um Boletim de Ocorrência para registro do fato antes do contato com a instituição financeira”, destaca.