05/10/2017

CDL Brusque promove manhã de conscientização

CDL Brusque promove manhã de conscientização

Voluntárias da Rede Feminina de Combate ao Câncer estiveram reunidas com as colaboradoras da Câmara de Dirigentes Lojistas de Brusque na manhã de quinta-feira, 5 de outubro, para falar da campanha Outubro Rosa


As colaboradoras da Câmara de Dirigentes Lojistas de Brusque – CDL Brusque foram recepcionadas de forma diferente ao chegarem para trabalhar na manhã de quinta-feira, 5 de outubro. Além de um café especial, elas foram recebidas por quatro voluntárias da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Brusque, que proporcionaram um momento de conscientização diante da campanha Outubro Rosa.

“Preparamos essa manhã para nossas colaboradoras, com a intenção de reforçar a importância da prevenção e do cuidado diante do câncer de mama e de colo de útero, pois o melhor remédio é a prevenção. E estamos trazendo essas informações para que elas fiquem atentas não somente durante o mês de outubro, que é o mês de conscientização, mas para que se previnam durante todo o ano”, destaca a coordenadora de eventos da CDL, Anelise Margraf.

Prevenção

Durante o encontro, as voluntárias da Rede Feminina falaram sobre as atividades realizadas pela entidade e chamaram atenção para os cuidados que as mulheres devem ter para combater o câncer de mama e de colo de útero. “Apesar de ser uma doença que tem cura, 21,3% das mulheres, ainda morrem de câncer de mama no Brasil, por falta de conscientização e prevenção. Lembramos que quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maiores são as chances de cura. Então, além de fazer o auto exame de mama, é importante consultar um médico anualmente, e fazer mamografias a partir de 40 anos, ou antes se tiver recomendação médica. O exame de toque, deve ser feito entre o quinto e o décimo dia após a menstruação, desde o pescoço, até mamas e axilas. E quando for percebido algum nódulo, deve ser procurado um médico ou a Rede Feminina, pois a existência de ínguas são sinais de que tem algo de errado no nosso organismo”, descreveu a voluntária Miriam Evangelista Ribeiro.

De acordo com Miriam, 98% dos cânceres de colo de útero são causados pelo HPV e sintomas como sangramentos, dor durante a relação sexual e sensação contínua de infecção urinária, podem ser sinais da doença. Dessa forma, o exame Papanicolau também deve ser realizado anualmente, ou conforme orientação médica. “Além de ficarem atentas à saúde do corpo, as mulheres também precisam se preocupar com a saúde mental. Percebemos que muitas pacientes que tiveram câncer, passaram por algum trauma psicológico, e por isso, é fundamental que as mulheres se cuidem num todo e tirem um tempo para si, seja para ir no cinema, sair com as amigas, ler um livro. Apesar de todas as tarefas que têm no dia a dia, a mulher deve reservar um momento para si e fazer algo que gosta e que lhe faz bem”, recomendou a voluntária.

Conscientização

A presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Brusque, Sonia Zink, avalia como positivo o encontro com as colaboradoras da CDL, e reforça que é preciso intensificar o trabalho de conscientização junto às mulheres da comunidade brusquense. “É muito bom quando a gente pode passar para elas a importância da prevenção e de se cuidar. Percebemos que muitas mulheres ainda têm muito medo de fazer os exames e descobrir a doença, mas é justamente isso que queremos, descobrir precocemente, pois assim, são maiores as chances de cura. A prevenção é importante e é de graça, então não tem porque não fazer. E para aquelas mulheres que descobrem o câncer, posso afirmar que o primeiro remédio para a cura, é aceitar a doença, erguer a cabeça e não se deixar abater durante o tratamento”, considera Sonia.

A monitora da Área Azul, Nilzete Betiato, também aprovou a iniciativa. “Achei muito importante esse evento pois esclareceu várias dúvidas. Há alguns anos eu tive câncer de colo de útero e por isso tenho todo o cuidado do mundo, mas é sempre bom reforçar o cuidado que as mulheres devem ter e eu sempre aconselho minhas amigas a se prevenirem também”, declarou a colaboradora da CDL Brusque.

Para a assistente de SPC, Andressa Bianchezzi, o evento possibilitou um grande aprendizado. “Por mais conhecimento que tenhamos, sempre tem alguma informação interessante e é fundamental termos a consciência de que se nós não cuidarmos da nossa saúde, ninguém vai cuidar. Conheço pessoas que já tiveram a doença e sei o quanto é difícil, por isso, sempre vou ao médico e faço os exames preventivos”, salientou Andressa.

Ao final do encontro, foram sorteados brindes da Rede Feminina e todas as colaboradoras receberam mimos da CDL Brusque, alusivo à campanha Outubro Rosa.


Fonte: Assessoria de Imprensa CDL
CDL Brusque promove manhã de conscientização
CDL Brusque promove manhã de conscientização
CDL Brusque promove manhã de conscientização